CampKDE is over

[en]

I am back in Brazil, after 5 wonderful days at Negril. CampKDE surpassed every expectation I had, and it was probably the best conference (KDE or not) I ever attended. There was something really special about the location, the relative small number of people and the timing that made it very easy to connect with others. Even with the ones that stayed for fewer days, like Guillermo (respect man!) Maybe it was something they put in the food 🙂 The e.V. was present and QtSoftware/Nokia as well: I look forward for more opportunities to work with Adriaan, Sebas, Thomas and Alexandra, among others. And the organizers did a wonderful job: thanks to Jeff, Wade, Roger, Dmitry… I am not going to talk about everyone, but this was a conference where we could get to know and interact with people in meaningful ways, and the effects of this will be felt on KDE for years to come, as the projects and ideas nurtured there mature into reality. Not to mention the babies, right Marcus and Louise?
I want to highlight that KDAB’s training was unexpected, and really, really good. If we had something like this at the next Akademy I am sure the quality of code in the project will instantly reach a new level. So, Akademy organizers, please consider it!
I can see this conference’s effects already rippling through our region: people are talking about official representations organized as KDE Mexico, and KDE Jamaica, inspired in part by the great job done by KDE India and Pradeepto. I am sure us brazilians will not stay behind: I can see two 4.2 release parties already at the wiki, and I know a few more are going to be announced soon. Our local community has grown increasingly during 2008 , and I am motivated to help it continue this trend in 2009. Hope to see lots of KDE people during this year, at OpenBossa, FISL and LatinoWare.

[pt_BR]
Estou de volta ao Brasil, depois de 5 dias maravilhosos em Negril. O CampKDE ultrapassou todas as minhas expectativas, e foi provavelmente a melhor conferência entre todas as que participei, KDE ou não. Havia algo realmente especial no lugar, o número relativamente pequeno de pessoas e o momento atual the fizeram com que fosse muito fácil se conectar com os outros, mesmo com os que ficaram por menos dias, como Guillermo (respect, man!). Talvez tenha sido algo que eles colocaram na comida 🙂 O pessoal da e.V. estava presente, bem como a QtSoftware/Nokia: espero ter mais oportunidades de trabalhar com Adriaan, Sebas, Thomas e Alexandra, entre outros. E os organizadores fizeram tudo certinho: valeu Jeff, Wade, Rogger, Dmitry… Eu não vou falar sobre todo mundo, mas esta foi uma conferência onde a gente pode conhecer e interagir com as pessoas de maneira bem significativo, e os efeitos disso vão ser sentidos com certeza no KDE nos próximos anos, à mediada que os projetos e as idéias gerados e nutridos ali maturem. Isso sem mencionar os bebês, certo Marcus e Louise?
Quero também destacar que o treinamento ministrado pela KDAB foi inesperado, e muito, muito bom. Se tivéssemos algo como isso na Akademy tenho certeza que a qualidade do código no projeto vai instantaneamente melhorar. Então fica aqui a sugestão para os organizadores!
Eu já posso ver os efeitos da conferência se espalhando pela região: o pessoal está falanda a respeito de organizar a representação no KDE México e KDE Jamaica, inspirados em parte pelo trabalho feito na KDE India, e por Pradeepto. Eu estou certo que nós brasileiros não vamos ficar para trás: já posso ver duas festas de lançamento do KDE 4.2 no Brasil no wiki, e sei que algumas mais vão ser anunciadas. Nossa comunidade local cresceu bastante durante o ano de 2008, e eu estou motivado para ajudar este crescimento a continuar em 2009. Espero ver todo mundo durante os eventos do ano: OpenBossa, FISL e LatinoWare.