KDE and Campus Party Brasil II

Yesterday I gave the “Creating games and educational applications with free software and KDE” talk at Campus Party Brasil. It was nice, a small bunch of people stopped by and I ended up adjusting the presentation to the audience, which was not all aware of what free software is. I spent some time talking about KDE the development API, how this relates to KDE the Linux/Unix desktop environment, KDE the community, and the Windows/MacOSX port efforts for KDE4. At the same time, I had a chance to show several of KDE games and edu applications, and it is very interesting to see the reaction of people that have never seen them before.
Of course, there were also some long time users of KDE in the audience. I was very pleased to meet Fausto from MEC (Brazilian Ministry of Education.) They have a Debian/KDE-based distribution for schools that includes all of kdegames and kdeedu, and we talked a little about translation issues and possible inclusion of KDE4-based apps in it.  This is what these events are for: meeting people and forging bridges.
The event is nice and the atmosphere is very relaxed. I am also making contacts and talking to people about our upcoming First KDE Brasil Project Meeting, which will happen in  April, at  FISL. More information soon.
Link for the presentation slides here. (in Portuguese)

[pt-BR]

Ontem eu falei sobre “Criando jogos educativos com software livre e KDE” no Campus Party Brasil. Foi legal, com as pessoas parando para dar uma olhada dentro do caos controlado da Campus Party, com várias palestras ao mesmo tempo, uma ao lado da outra. Eu ajustei um pouco a apresentação para quem estava lá, já que muita gente não conhecia software livre. Fiquei um tempo falando sobre o KDE como plataforma de desenvolvimento, como isso se relaciona com o ambiente desktop KDE para Linux/Unix, a comunidade KDE, e os projetos para rodar em MacOSX e Windows. Enquanto isso, pude mostrar quase todos os jogos e aplicativos do kdeedu, foi bem interessante ver a reação das pessoas neste primeiro contato com tantas aplicações.
É claro, também tinha um pessoal que usa KDE faz tempo na platéia. Foi um prazer conhecer o Fausto do MEC. Eles têm uma distribuição baseada em Debian e KDE (3) para escolas que inclui todo o kdegames e kdeedu, além de muitos outros programas. Falamos um pouco sobre questões relacionadas à tradução, e uma possível inclusão dos jogos versão KDE4 neste ambiente. Enfim, um primeiro contato, mas estes eventos servem basicamente para se fazer estas pontes.
O evento em si está ótimo, uma atmosfera tranquila. Estou conversando com bastante gente e começando a discutir o Primeiro Encontro KDE Brasil, que vai acontecer no FISL, em Abril. Espero ter mais informações em breve.
Link para os slides da apresentação aqui.